Com sucesso de ‘Atrasadinha’, Felipe Araújo estreia no Rodeio Itu

Ao lançar carreira solo logo após a trágica morte do irmão Cristiano Araújo, em 2015, Felipe Araújo provou aos fãs e ao mercado sertanejo que poderia trilhar o mesmo caminho de sucesso

Com quase cinco anos de estrada, ele constituiu uma base de fãs numerosa e uma agenda de shows consistente. Atualmente, Felipe realiza cerca de 15 apresentações por mês e músicas bem posicionadas entre as mais tocadas do Brasil nas rádios e no streaming. Até por isso, ele tem se tornado figura garantida nas principais festas de agropecuárias e rodeios do Brasil, como o Rodeio Itu, em que ele se apresenta na estreia, dia 6 de setembro

Em cinco anos de atuação, ele demonstrou acertos nos momentos de escolher as músicas de trabalho. Desde então, emplacou em nível nacional hits como A Mala é FalsaAtrasadinhaAmor da Sua CamaChave CópiaBora BeberAmante Fiel e Ainda Sou Tão Seu

Um dos fatores que explicam Felipe repetir o sucesso do irmão, é ter o pai como produtor e principal incentivador da carreira. João Reis, que volta e meia também dá pinta como cantor, demonstrou com o outro filho que tem consciência de fazer as crias virarem grandes astros do sertanejo

E é em família também que Felipe encontra refúgio quando não está nos palcos. Além dos dois sobrinhos, frutos de dois relacionamentos de Cristiano, recentemente Felipe se tornou pai de Miguel. O bebê nasceu de uma rápida relação que ele teve com a psicóloga Caroline Marchezi

Em posts no Instagram, além de babar pelo filho, ele deixa claro que a rotina na estrada faz com ele não seja tão presente na vida do menino, que mora em outro estado. E arranjar um espaço na agenda é cada vez mais complicado para ele

Felipe, além da própria carreira, é convidado para vários projetos paralelos e gravações de outros artistas. No começo de agosto, ele esteve presente na gravação do novo DVD de Nego do Borel, no Rio de Janeiro. Além dele, Wesley Safadão, Kevin O Chris, Ferrugem, Tiee, Matuê e Naiara Azevedo cantaram canções inéditas com o funkeiro

O esforço dá resultados. Em 2019, ele já tem a segunda música que mais tempo ficou no topo das mais tocadas do Spotify: Atrasadinha se manteve no primeiro lugar por 84 dias, atrás apenas de Todo Mundo Vai Sofrer, de Marília Mendonça. Atrasadinha é um hit tão grande que concorre também em duas categorias no Prêmio Multishow: Música do Ano 2019 e Música Chiclete

Please follow and like us:
error0