Rodrigo pede punição às instituições que oferecem curso à distância irregular Fonte: Agência Senado – Guajara Hoje

Rodrigo pede punição às instituições que oferecem curso à distância irregular Fonte: Agência Senado

 

 

Mesmo favorável a oferta do ensino à distância no país, o senador Rodrigo Cunha (PSDB-AL) solicitou que o Ministério da Educação crie mecanismos para maior fiscalização e punição contra instituições que oferecem cursos de graduação irregulares e fornecem diplomas inválidos à estudantes.

Ele citou que há três anos vem denunciando instituições que atuam dessa forma em Alagoas e que já prejudicaram mais de 20 mil estudantes do estado e de demais localidades do Nordeste.

— Muitas vezes, pega-se empréstimos — e aqui são casos reais — para pagar uma mensalidade de R$ 300, R$ 350, R$ 400 […] e isso pesa no orçamento. Então pedem empréstimos, financiamentos e, quando se chega ao final, não vale de nada o papel que se tem nas mãos — exemplificou.

Rodrigo Cunha informou que solicitou apoio do governo federal para que as pendências desses alunos sejam resolvidas. Ele ainda defendeu que o Ministério da Educação possa se dedicar à criação de mecanismos de segurança para os estudantes que tenham interesse nesse tipo de ensino. Entre as medidas sugeridas pelo senador estão: avaliação nos moldes de um revalida para esses estudantes já prejudicados obterem seus diplomas, além da criação de um selo certificador para instituições regulares.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

 

 

 

Fonte: Agência Senado

Please follow and like us:
error0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *