Weintraub diz que 2º dia do Enem tem a menor abstenção da história – Guajara Hoje

Weintraub diz que 2º dia do Enem tem a menor abstenção da história

Ministro diz que Enem de 2019 foi um sucesso

Ministro diz que Enem de 2019 foi um sucesso
Marcelo Camargo / Agência Brasil / CP Memória

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou no início da noite deste domingo (10) que o segundo dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019 teve a menor abstenção da história. Por volta de 27%.

Segundo o ministro, o número de abstenções de todo o exame (contando os dois dias) também deve ser próximo de 27%.

Neste domingo, 371 estudantes foram eliminados das provas, mas o ministério não soube explicar as razões dessas punições. “Neste ano tivemos uma novidade, que foram aparelhos eletrônicos tocando durante o exame”, comentou o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Alexandre Lopes.

Vazamento

Weintraub também negou qualquer tipo de vazamento no segundo dia de provas.

Uma foto que mostra o caderno de questões deste domingo circulou nas redes sociais após as 16h – os candidatos são autorizados a sair com a prova nas mãos somente a partir das 18h. Weintraub minimizou o episódio, chamando-o de “comportamento inadequado” de um candidato.

“Não vazou. O da semana passada eu chamo de vazamento por ter sido feito por aplicadores da prova. Hoje foi um comportamento inadequado de quem fez a prova”, argumentou.

No domingo passado (3), uma foto da prova vazou nas redes sociais logo após o início do exame. Weintraub disse, na época, que o fato teria ocorrido em Pernambuco e que a Polícia Federal estava investigando o caso. Duas mulheres, de Fortaleza, teriam sido classificadas como suspeitas – no sábado (9), o órgão realizou uma operação na capital cearense onde apreendeu celulares de aplicadores para serem submetidos a perícia.

O autor do vazamento deste domingo, por sua vez, foi descrito pelo ministro como “um adulto, de 18 anos, que queria prestar medicina, aparentemente um playboy”. “Um indivíduo entre esses 5,1 milhões de pessoas que fazem o Enem, estatisticamente irrelevante, se comportou de maneira inadequada antes do final da prova.”

Weintraub acrescentou que um boletim de ocorrência já foi registrado, assim como a notificação aos órgãos competentes fiscalizadores. “O que querem fazer é provocar um mal-estar na sociedade.”

De acordo com ele, “uma militante” tentou, mas não conseguiu estragar o Enem de 2019 divulgando antecipadamente a prova em redes sociais no primeiro dia dos exames, na semana passada. “Houve um planejamento prévio para lesar a sociedade brasileira.”

Weintraub afirmou que os responsáveis pelos atos ilícitos vão ter que explicar o caso “pelo resto da vida”.

Sucesso

Para Weintraub, o Enem 2019 foi o melhor de todos os tempos em vários sentidos. “O objetivo de selecionar as melhores pessoas para ocupar as vagas do ensino superior foi um sucesso e queria parabenizar toda a equipe responsável pelo exame”, afirmou o ministro.

Segundo o ministro, não houve ideologia e nenhum especialista apontou qualquer problema nos conteúdos.

O Inep, órgão responsável pela prova, divulga na quarta-feira (13) o gabarito oficial. Os resultados individuais só serão divulgados em janeiro de 2020.

Provas de domingo

No segundo dia do Enem, alunos destacaram a quantidade de questões sobre Química, e o uso de gráficos e raciocínio lógico. O grau de dificuldade não foi considerado difícil por alunos consultados pela reportagem.

A impressão dos estudantes foi de que as perguntas na área de Ciências da Natureza priorizaram questões de Química, em relação à área de Biologia. Entre as perguntas estavam equações de balanceamento molecular.

“Eu esperava mais questões de análise combinatória, que é o que sempre cai no Enem, mas quase não teve”, diz a aluna Maria Fernanda Flórida, de 17 anos. Ela se refere a perguntas que pedem ao aluno para calcular números de uma sequência.

Segundo ela, houve apenas uma questão desse gênero, e muitas perguntas de Geometria e Probabilidade na prova de Matemática. Outra surpresa para ela foi na prova de Química, que, segundo ela, teve apenas uma pergunta da área de Entalpia. “A prova não estava difícil”, ela diz.

Powered by WPeMatico

Please follow and like us:
error0